Clara - Smash the Cake

Nossa bebê fez 11 meses, já, já fará 1 ano, porém vamos comemorar o aniversário de 1 ano dela e 3 anos do Ravel com alguns dias de antecedência (aniversário dela:11/08, dele:22/08), pois queremos aproveitar as férias da família e facilitar que alguns deles estejam conosco nessa data. Todo ano é delicado o momento de virem para o aniversário deles.

Já aconteceu de minha mãe vir nas férias de julho e ficar muitos dias aguardando o niver dos nossos babies.

O Ravel e a Clara são irmãos incríveis, unidos, amigos, brigam por brinquedos, coisas saudáveis de irmãos e crianças nessa fase, mas, tenho certeza que se amam, e muito. São parceiros.

Ter um segundo filho é muito caro, principalmente para nós que pagamos berçário desde cedo, sou sincera em dizer que com a Clara tenho repensado alguns dos modelos que havia projetado para nossa família, mas, por enquanto, são só pensamentos e muitos dengos, abraços, beijinhos, carinhos e sorrisinhos.

A verdade é que eu gostaria até de ter um terceiro filho, lá pelos meus 37 anos. Gente eu adoro isso, de abraça-los, brincar, educar, cuidar, amar. É tão bom tudo que envolve o neném, menos as limitações financeiras, ssrsrsr.

Que mundo e vida é essa que levamos, onde deixamos de nos proporcionar amor pensando em dinheiro? Reflito tanto sobre isso, pois, a magia de ter irmãos é maravilhosa e sei que muitas famílias levam muito isso em consideração quando se pensa em segundos, terceiros filhos. 

Fiquem um pouco de magia, que essa, não gastamos nada para ter, pois o bolo o papai que fez, a fotografia foi a mamãe, o vestido da Clara nossa amiga Ariany que nos emprestou do niver da sua filha de 1 ano e por ai vai ...

Ainda não conseguimos saúde e educação nos moldes dos países escandinavos (de graça), mas, outros gastos estamos sempre socializando e adoro!



No berço, que já foi do Ravel, agora é da Clara


Quantas energias há entre uma mãe e uma filha? Não sei dizer, mas dou toda a minha energia produtiva para que essa pequena esteja entre nós! E muito do amor, não é todo, porquê ele também é compartilhado.



É com tanto esforço, mas adoro essa família que criamos.


E pai e filha? Olha, não sei quem da psicologia sugere que o primeiro amor de uma mulher é o pai, de todas as mulheres não sei, mas da Clara com certeza é o Rafa, ela é fascinada por ele, é impressionante.


E esse irmão mais velho, que ela ama, que ele adora fazer presepadas só para tirar sorrisos da pequena? É uma dádiva sem fim. 


Os avós paternos, que sempre que podem estão conosco e nós com eles, isso fisicamente, pois sei que o amor é constante.



Fomos presenteados com o por do sol e foi uma grande correria para estarmos todos prontos nesse horário, as fotos foram feitas no nosso condomínio e numa praça que tem em frente.


Sapato de bebê? Sumiu.


Como diziam os Los Hermanos, do nosso amor, a gente é quem sabe.


Hora de destruir o bolo e sendo segunda filha, é claro que o primogênito participa





Um close no bolo, que o papai fez



Adoro essa melequeira




E os vovôs caíram na melação



Vou fazer um post mais voltado para o Ravel e suas conquistas aos 3 anos, aguardem!


E para minha boneca, só tenho agradecer por ela ter topado essa grande aventura da vida ao nosso lado, te amo minha princesa, você é muito mais do que sempre sonhei como filha.

2 comentários:

Raquel disse...

Amiga, faz posts nesse estilo aqui tbm oh:
http://www.likeanewhome.com/2016/07/diana-18-meses.html
Falando do desenvolvimento de cada pequeno. O que eles estao fazendo de interessante e etc. Acho uma memoria mto legal para ser guardada.
As fotos ficaram otimas!! Uma coisa que reparei que vc se atentou dessa vez foi a paleta de cores... A paleta de cores realmente eh algo que muda um ensaio.

Cicília Pinto disse...

Oi Raquel, obrigada!! Nos esforçamos bastante nesse dia, mas também tivemos muita sorte do sol, que eu passei a tarde toda falando que precisávamos ficar prontos antes do sol se por.

Eu acho que os posts que faco dos meninos mês a mês são mais ou menos como esse que você indicou, gostei do blog citado, vou seguir.