Melancia e outras coisas sobra alimentação das nossas crianças

Aqui em casa nascemos para maternidade, paternidade, com a dificuldade de ganho de peso do Ravel, que veio desde a gestação.

Ele começou a vida alimentar comendo tudo, super bem,  mas quando engravidei da Clara creio que deslexei um pouco e o Ravel começou a apresentar dificuldades para se alimentar.

Tentamos ter paciência, mas às vezes não conseguimos tanto assim. Mas, com a introdução alimentar da Clara e o plantão de férias da escola, onde ele conviveu com crianças maiores no momento da alimentação, ele começou a se alimentar muito melhor.

Ele não é um super comedor, mas hoje já se alimenta razoavelmente bem. Conto também com o apoio das papinhas naturais da minha amiga Ariany, fechamos um valor semanal e ela faz as papinhas que dá para o jantar dos meninos e o almoço dos finais de semana.

Fora isso estou sempre tentando incentivá-los a ter uma alimentação bacana.  Na gestação da Clara tomei a medicação AS para que ela não nascesse abaixo do peso e tamanho e com isso ela sempre está na média das curvas de crescimento. A introdução alimentar dela está sendo ótima e ela é super "comiloninha".

Eu acho super bacana o método BLW, Baby-led-Weaning, que sugere que as crianças comam pegando as comidinhas com as mãos, desde o Ravel eu já oferecia várias vezes a comida nas mãos mesmo, não tenho menor receio de sujeira, mas por exemplo nos almoços e jantas eu prefiro oferecer com a colher para ter uma ideia do quanto eles comeram.

Hoje resolvi oferecer melancia em pedaços, foi um sucesso,  o Ravel até que gostou mais do que a Clara.


  

Eles se divertem comendo juntos



No detalhe


Adoro a alegria do meu primogênito


E a minha caçulinha é super simpática


Puro charme



Ahau





Parou de comer para ir olhar através da grade da varanda



Olha os primeiros dentinhos.

E vocês? O que gostam de fazer na alimentação dos seus pequenos? Compartilha com a gente.



Nenhum comentário: